fbpx
ADS

Dormir bem tem sido um desafio nos últimos tempos. Como saber se dormimos as horas suficientes para a nossa qualidade de vida?

De acordo com os especialistas da Associação Brasileira do Sono, a quantidade de sono suficiente varia de pessoa para pessoa e muda conforme a idade.

Quem explica é a Dra. Elaine Cristina Marqueze, representante do Conselho de Cronobiologia do Comitê Interdisciplinar da Associação Brasileira do Sono, em entrevista à Rede Globo.

Confira aqui!

ADS

Enviar meu comentário