fbpx
ADS

Em entrevista ao Portal Drauzio Varella, a médica neurologista Dra. Andrea Bacelar, presidente da Associação Brasileira do Sono, explicou que desde a chegada da pandemia as pessoas perderam a sincronização dos próprios horários, e atividades como, por exemplo, sair para levar o filho para escola, ir ao trabalho e pegar transporte público foram abandonadas por causa da pandemia. Tudo passou a ser feito dentro de casa. Basicamente, o confinamento se misturou à vida doméstica e ao home office.

Clique aqui e leia a reportagem, na íntegra.

ADS

Enviar meu comentário